Entidades conquistam o selo Carbono Neutro

A partir de agora, IEPAS, FEHOESP e SINDHOSP passam a utilizar em seus processos internos e publicações o selo Carbono Neutro, conferido pelo Instituto Brasileiro de Defesa da Natureza (IBDN).

Obtido pelas entidades oficialmente em 2015, o selo é resultado do processo de neutralização da emissão de dióxido de carbono por meio do plantio de árvores, feito em parceria com o IBDN.

A ideia surgiu em 2011, com o Anuário do SINDHOSP, e foi ganhando corpo até o ano passado, quando FEHOESP, IEPAS E SINDHOSP adotaram a prática para todos os seus processos internos e comunicações externas.

Como exemplo, o último plantio realizado no final de 2015, no Parque Ecológico do Tietê, capital paulista, neutralizou o equivalente à produção de 64.560 litros de resíduos, 74.899 quilowatts-hora de energia elétrica e 483.420 quilômetros percorridos por seus colaboradores entre janeiro e outubro do ano passado. Foi levado em conta também todo o material impresso neste período.

"Pode parecer que estamos fazendo pouco com essa iniciativa, mas nosso pensamento tem de estar focado no futuro de nossas gerações”, afirma Luiz Fernando Ferrari Neto, diretor da FEHOESP.

Fonte: Comunicação FEHOESP

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

17 − 5 =

Há 20 anos representamos hospitais, clínicas, laboratórios e outros estabelecimentos do setor privado de Saúde no Estado de São Paulo

SINDICATOS

Rolar para cima