Você está no site do SINDHOSP FEHOESP 360 Clique aqui para acessar o portal FEHOESP 360

Notícias

Covid: Saúde diz que vacina não será obrigatória, mas incentiva aplicação

Covid: Saúde diz que vacina não será obrigatória, mas incentiva aplicação

03/09/2020

O secretário-executivo, Élcio Franco, disse que o Ministério da Saúde irá incentivar a vacinação para imunização da população contra a Covid-19, apesar de não ser obrigatória. 

"A vacinação é uma das principais medidas de prevenção para uma série de doença. Ela tem importância impar na imunização ou até mesmo na redução de doenças", disse ele, lembrando que o país possui um dos melhores programas de vacinação do mundo, com cerca de 300 milhões de doses anualmente.

"Como temos dito desde o começo, incentivaremos a vacina para a imunização da população. Caso contrário, correríamos o risco da volta de doenças que já tinham sido erradicadas no país, como aconteceu com o sarampo. Mas lembramos também que a vacina não é obrigatória. Vai ser um grande instrumento para a volta da nossa normalidade", completou. 

Previsão de vacina é janeiro 

Franco voltou a dizer que o Brasil só irá receber o primeiro lote da vacina em dezembro, e a imunização em janeiro, caso tudo dê certo.

"Todos os esforços estão sendo feitos para que tenha acesso a essa vacina desde que com efetividade e segurança da população brasileira. Daí a importância dos testes. A previsão é que os primeiros lotes estariam sendo disponibilizados a partir de janeiro. Eles seriam entregues em dezembro", afirmou. 

Fonte: UOL