Você está no site do SINDJUNDIAI FEHOESP 360 Clique aqui para acessar o portal FEHOESP 360

Notícias

Amil é obrigada a ressarcir pacientes por cobrança em procedimentos cardíacos

Amil é obrigada a ressarcir pacientes por cobrança em procedimentos cardíacos

18/12/2013
Em decisão no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), a operadora de planos de saúde Amil foi proibida de cobrar por stents - dispositivos usados para evitar o entupimento das artérias - e por angiografias - um tipo de exame cardíaco - de seus pacientes. Além disso, quem pagou por um desses procedimentos, a partir de 2007, terá que ser ressarcido pelos gastos.

A medida é resultado de um pedido do Ministério Público de São Paulo (MP-SP), e vale para clientes da operadora em todo o país que foram submetidos a cirurgias cardíacas ou vasculares e tiveram negada a cobertura desses procedimentos.

O prazo para a Amil apresentar à Justiça a lista de clientes que terão direito a receber o dinheiro de volta é de três meses. Procurada, a operadora não se pronunciou sobre a determinação judicial.



Fonte: O Globo