"Um sistema de Saúde não pode depender apenas de heróis", lamenta Britto | SINDHOSP
Você está no site do SINDHOSP FEHOESP 360 Clique aqui para acessar o portal FEHOESP 360

Notícias

"Um sistema de Saúde não pode depender apenas de heróis", lamenta Britto

12/11/2021

Assista ao diálogo

Acesse a galeria de fotos do evento

 

         O diretor executivo da Anahp e ex-governador do RS, Antônio Britto, reconheceu nesta terça-feira (09/11) o esforço que milhares de profissionais da saúde desempenharam no enfrentamento à pandemia e os enalteceu como heróis.

          Durante sua participação no talk show Saúde São Paulo – Diálogos, mediado pelo presidente do SindHosp, Francisco Balestrin, o diretor da Anahp lamentou que o setor tenha sofrido tanto por falta de um sistema estruturado.

         “Os profissionais foram heróis porque tiveram que fazer muito além do que era possível que fizessem, considerando o contexto da pandemia. Um sistema de Saúde não pode depender apenas de heróis. Para a próxima pandemia, troco os heróis por melhorias no sistema”, reflete Britto.

 

Por que a Saúde não anda?

         Para o ex-governador do RS, os projetos de curto prazo que tramitam na política são um dos agravantes que impedem a evolução do setor. “São raros os exemplos de políticas de saúde que têm atravessado mandato. No Brasil, o que não tem tijolo, não tem valor político. Essa questão precisa ser apresentada aos políticos: nada vai dar certo se o objetivo for de curto prazo. Até hoje, o melhor que foi feito, foi realizado atravessando governos”, analisa.

         A Saúde enfrenta um momento de imobilização, segundo Britto, que será superado quando o congresso apresentar pautas estruturantes. “Nosso desafio não é o que propor, é de que forma empurrar o que se tenta propor há tanto tempo. Nosso setor precisa de uma composição política mais forte”, defende.

Confira a transmissão no YouTube

 

Sistema receberá proposta para ser mais resolutivo

         Desde o mês de setembro o SindHosp tem recebido expoentes na Saúde e na Política para construir a proposta Saúde São Paulo, um documento colaborativo que visa um sistema mais sustentável e eficiente. Já contribuíram com perspectivas Fernando Haddad, Geraldo Alckmin, Gonzalo Vecina, entre outros, que passaram pelo auditório do SindHosp. Para o presidente da entidade, Francisco Balestrin, “a iniciativa reflete a colaboração cidadã do SindHosp e de seus associados”, que será entregue ao Governo do Estado 2023 a 2026.

 

Acompanhe a agenda do Saúde São Paulo – Diálogos:

Novembro

16/11 - Sidney Klajner | Presidente da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein

23/11 - Arthur Chioro | Ex-ministro da Saúde

30/11 - Márcio França | Ex-governador de São Paulo

 

Dezembro

02/12 - Nelson Mussolini | Presidente executivo do Sindusfarma

07/12 - Ludhmila Hajjar | Cardiologista intensivista da Rede D'Or São Luiz e professora da Faculdade de Medicina da USP

 

Saiba como assistir

         As transmissões ao vivo são abertas e acontecem sempre às 17h30. O público que já é inscrito na Hospitalar Hub, pode adicionar o próximo diálogo com Sidney Klajner clicando aqui.

         Se este será o primeiro acesso na plataforma, cadastre-se por este link.

          Outro canal para acompanhar a participação dos convidados é o YouTube do SindHosp. Ative as notificações e assista.