Você está no site do SINDHOSP FEHOESP 360 Clique aqui para acessar o portal FEHOESP 360

Notícias

É proibido o trabalho de gestante em atividade insalubre

16/05/2016
Divulgamos a Lei nº 13.287/2016, que acrescenta dispositivo à Consolidação das Leis do Trabalho - CLT, aprovada pelo Decreto-Lei no 5.452, de 1o de maio de 1943, para proibir o trabalho da gestante ou lactante em atividades, operações ou locais insalubres.
 
Informamos que o departamento jurídico do SINDHOSP está avaliando o impacto da referida lei e estudando medidas jurídicas cabíveis.
 
A íntegra para conhecimento:
 
Presidência da República
 
Casa Civil
 
Subchefia para Assuntos Jurídicos
 
LEI Nº 13.287, DE 11 DE MAIO DE 2016.
 
Mensagem de veto
 
Acrescenta dispositivo à Consolidação das Leis do Trabalho - CLT, aprovada pelo Decreto-Lei no 5.452, de 1o de maio de 1943, para proibir o trabalho da gestante ou lactante em atividades, operações ou locais insalubres
 
A PRESIDENTA DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:
 
Art. 1o   A Consolidação das Leis do Trabalho - CLT,  aprovada pelo Decreto-Lei nº 5.452, de 1º de maio de 1943, passa a vigorar acrescida do seguinte art. 394-A:
 
“Art. 394-A. A empregada gestante ou lactante será afastada, enquanto durar a gestação e a lactação, de quaisquer atividades, operações ou locais insalubres, devendo exercer suas atividades em local salubre.
 
Parágrafo único. (VETADO).”
 
Art. 2º  Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.
 
Brasília, 11 de maio  de 2016; 195o da Independência e 128o da República.
 
DILMA ROUSSEFF
Nelson Barbosa
Nilma Lino Gomes
Este texto não substitui o publicado no DOU de 11.5.2016 - Edição extra