Você está no site do SINDHOSP FEHOESP 360 Clique aqui para acessar o portal FEHOESP 360

Notícias

Cema inaugura primeira unidade ambulatorial fora de São Paulo

Cema inaugura primeira unidade ambulatorial fora de São Paulo

01/02/2016
Uma das cidades mais importantes na história de São Paulo, berço da indústria automobilística nacional e de relevantes movimentos trabalhistas, São Bernardo do Campo é, atualmente, uma das mais destacadas do estado, com um parque industrial formado por grandes empresas, um comércio rico e amplo e boa prestação de serviços à população. Tantos atrativos explicam por que o Hospital CEMA escolheu esta cidade para inauguração da primeira unidade fora da capital paulista. No próximo dia 1º de fevereiro, a instituição abrirá as portas para a população usufruir do atendimento referência em oftalmologia e otorrinolaringologia do País.
                                                                                                           
Com instalações funcionais, a unidade do CEMA em São Bernardo do Campo atenderá dentro do Shopping Metrópole, das 10h às 20h, todos os dias. O usuário poderá agendar consultas com hora marcada ou, se necessário, recorrer ao pronto-atendimento (consultas sem hora marcada), fazer exames de otorrinolaringologia, oftalmologia e fonoaudiologia, avaliar doenças oculares, lentes de contato e grau de óculos, próteses auditivas, entre outros serviços. O gestor de unidades ambulatórias do CEMA, Nelson Affonso, explica que a intenção é oferecer um atendimento amplo e variado. "Temos capacidade para 8 mil atendimentos por mês, pretendemos, inicialmente, atender 20% dessa capacidade e, até o fim do ano, chegar a 50%", afirma. Além disso o horário de funcionamento poderá ser ampliado, de acordo com a demanda. O objetivo é o paciente ter à disposição todos os serviços que ele encontra nos ambulatórios do Hospital CEMA, em São Paulo.
 
Affonso conta também que muitos moradores de São Bernardo do Campo já utilizavam os serviços do CEMA, antes da abertura de uma unidade na cidade. "Antes de decidirmos sobre uma nova unidade, levamos uma equipe para efetuar pesquisas e analisar a viabilidade. São Bernardo mostrou-se uma região acima da média para nossas expectativas", diz o gestor.