Você está no site do SINDHOSP. FEHOESP 360 Clique aqui para acessar o portal FEHOESP 360

Notícias

Hospitalar promove coquetel e lança programação do CISS 2017

Hospitalar promove coquetel e lança programação do CISS 2017

11/04/2017

A equipe da Hospitalar, da UBM Brazil e os dirigentes dos principais hospitais e associações da área de saúde brasileira se reuniram na primeira semana de abril em um coquetel de lançamento do CISS17 – Congresso Internacional de Serviços de Saúde. Debatendo “Segurança do paciente: a nova fronteira de qualidade dos sistemas e dos serviços de saúde”, os participantes impulsionaram o assunto que será foco da edição 2017 do congresso que ocorre durante a Feira Hospitalar, a ser realizada no próximo mês.

A doutora Waleska Santos, fundadora da Hospitalar Feira + Fórum, destacou a essência do evento. “Sempre colocamos a Hospitalar como uma ferramenta a serviço do setor. Ao longo desses 25 anos, nos adaptamos às mudanças do segmento, respeitando sempre cada área, mas tentando olhar o todo. Estamos continuamente abertos aos nossos parceiros, observando a luta de cada um, mas sendo neutros para trabalhar pelo benefício do paciente, dos hospitais, valorizando médicos, gestores, administradores, jornalistas e novas lideranças”, enfatiza.

A programação oficial do CISS, ao longo do primeiro dia, levará aos participantes uma sequência de apresentações internacionais e a presença de países como Canadá, Holanda, Taiwan e Argentina foi destaque no coquetel de lançamento. “Além de discutir esta questão da segurança do paciente, que é fundamental para o Brasil, tentamos trazer experiências de países que, de alguma maneira, vêm fazendo uma trajetória diferenciada no setor”, declara o doutor Fábio Leite Gastal, presidente da comissão científica do CISS.

Destacando a importância do congresso como provedor de conteúdo e descentralizador de debates fundamentais para as melhorias na cadeia da saúde, o doutor Yussif Ali Mere Jr, presidente do SINDHOSP (Sindicato dos Hospitais do Estado de São Paulo), mencionou: “hoje o que se discute efetivamente em saúde é a sustentabilidade do setor mantendo qualidade e acesso com custo adequado. Pensando nisso, a importância do CISS é exponencial pois o que mais poderíamos discutir senão sistemas de saúde e experiências que dão certo no mundo?”.

Para o doutor Breno de Figueiredo Monteiro, presidente do congresso e da FENAESS (Federação Nacional dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde), debater a segurança do paciente é fundamental para que possamos esquecer o dano do passado e traçar estratégias para gerenciar o risco no futuro. “Sem dúvida a participação dos países é de enorme importância para que consigamos superar nossas dificuldades. É com experiências globalizadas que vamos melhorar e encontrar soluções. Principalmente por vivermos em um país continental, com enormes diferenças. Se não tivermos cuidado, todas as vitórias conquistadas até hoje podem ser perdidas. É óbvio que o erro é humano, mas precisamos errar menos e ser mais humanos”, enfatiza.

Para os países visitantes, há o interesse na visibilidade promovida por uma feira tão ampla como a Hospitalar. Segundo Carol Campos, representante do Canadá, foi uma surpresa visualizar que o país contava com tantos nomes gabaritados interessados em participar. “Este é o primeiro ano que o Canadá vem com uma forte presença no evento. Tanto a província de Quebec quanto a de Ontário abraçaram a ideia e levantaram profissionais de altíssimo gabarito para falar sobre a experiência canadense na segurança com o paciente”, comenta. Já para Nico Schiettekatte, cônsul da Holanda para Inovação, Tecnologia e Ciência, um dos pontos mais importantes é o fortalecimento de laços entre parceiros da saúde promovidos pela Hospitalar. “Como país-convidado deste ano, a Holanda trará organizações e palestrantes com expertise nas áreas de educação, pesquisa e inovação, incluindo startups, símbolo do compromisso com o Brasil”, destaca.

Além de apresentar toda a expertise e cases de sucesso dos países convidados, o CISS17 oferecerá palestras de empresas e especialistas do setor abordando diferentes aspectos relacionados ao tema central. “No segundo dia teremos foco na tecnologia voltada para a segurança do paciente. Trataremos, também, do envelhecimento da população com algumas experiências importantes desenvolvidas tanto nacional quanto internacionalmente”, explica Gastal.

O CISS, que nasceu como um congresso latino-americano, é amplamente reconhecido por todo o setor de saúde no país. Ao possibilitar a integração de diferentes profissionais atuantes na área, envolvendo também a indústria, o empresariado e a academia, o congresso amplia ainda mais sua grandiosidade. “Para nós é motivo de orgulho apoiar a realização de eventos de alto nível como o CISS que compartilha, conosco, valores fundamentais como excelência, sustentabilidade e inovação na saúde”, destaca o doutor Helton Freitas, presidente da Seguros Unimed. “O mais importante é a discussão dos assuntos que envolvem a área da saúde como segurança do paciente e risco, foco deste CISS, que são temas de agregam muito”, concorda Nilo Braccini Pessano, diretor da Interact que, ao lado da Seguros Unimed, Hermes Pardini e Deloitte compõe a grade de patrocinadores do congresso.

A edição 2017 do CISS também conta com apoio institucional de CNS – Confederação Nacional de Saúde; FENAESS – Federação Nacional dos Estabelecimentos de Saúde; SINDHOSP – Sindicato dos Hospitais do Estado deSão Paulo; ABIMO – Associação Brasileira da Indústria Médico-Odontológica; ANAHP – Associação Nacional de Hospitais Privados; IEPAS – Instituto de Ensino e Pesquisa na Área da Saúde e ONA – Organização Nacional de Acreditação.

Clique AQUI para visualizar a programação completa, fazer sua inscrição e participar de todos esses debates que promovem o conhecimento e a expertise da classe de saúde no país.

 

 

Fonte: Hospitalar

Fotos: Leandro Godoi

Galeria de Fotos